terça-feira, 15 de junho de 2010

CHÍPATE MUCHO


Chípate, chípate mucho
Como si fuera solo esta
La única vez
Chípate, chípate mucho
Que tengo miedo a perder
Tus datos después

BIS

Quiero tenerte muy cerca
Mirar a tus pasos
Verte junto a mi
Piensa que talvez mañana
Tu estarás más cerca
Muy cerca de mi

Ay, chípate, chípate mucho
Como si fuera solo esta
La única vez
Chípate, chípate mucho
Que tengo miedo a perder
Tus datos después...

****************************
Letra e arranjos de Socratina de Suza.
O CD com este bolero tem data de lançamento marcada para o dia 1 de Julho.

****************************

14 comentários:

Cris Caetano disse...

hahaha Ana, e ele fica bem moreno. Adorei!

E lá vou eu dar uma risada do meu avatar.

Beijinhos

poetaeusou . . . disse...

*
eheheheheh, gostei,
,
Platão, es hombre soñado por mi
Voy a cantar-te mi nostalgia
y preguntarse a sí mismo
que no hincapié en me
Oye que no como hace quince dias
Estoy lleno de anemia
No, una vez que morir asííííí
,
Letra e musica: poeta-caruso,
,
Saluds de Granada da Caparica,
,
*

Ana disse...

Cris
O teu avatar provavelmente não ouviu dizer, lá por essas paragens, por isso passo a esclarecer que o dia 1 de Julho é a data em que todos os carros são obrigados a aplicar um chip ou dispositivo electrónico de matrícula, destinado (dizem eles) a fiscalizar velocidades, percursos, veículos acidentados, ou roubados, cobrança virtual de portagens e outras taxas rodoviárias.
Um encanto dum Big Brother, portanto.

Ninguém sabe onde se adquire mas os primeiros 6 meses são gratuitos.

Quem tem o dispositivo da via verde se calhar vai ter de o deitar fora porque este é um país rico.
E sabe-se lá a quem está destinado o tratamento de toda esta informação...

Isto agora é cada cavadela, cada minhoca.

Beijinho

Ana disse...

Poeta
A "Granada", tal como o "Bésame Mucho" faz parte do meu imaginário infantil.
São músicas que ficaram coladas a um tempo que recordo com muita saudade.

Boas férias, ou ponte, ou o que for...
Mas comendo e bebendo!

Beijinho

Maria disse...

É assim que gosto de te ver. A ironizar com a desgraça do governo que temos...

Beijinho, Ana.

salvoconduto disse...

Vai esgotar às primeiras horas do lançamento, acredito que haverá até quem passará a noite à portada Fnac na esperança de conseguir comprar o CD.

Cris Caetano disse...

Ainda bem que me contas, Ana. Eu peguei a notícia no final na SIC um dia desses e falava sobre fiscalizar a velocidade e não entendi. Absurdo!

Acho que é uma boa maneira do Governo fazer "um ganho", como dizem por aqui. Eles andaram conversando com o prefeito do Rio, que todos os dias manda Reboques à minha rua, que além de ser uma rua transversal à principal é a mais tranquila de Laranjeiras levando os carros "mau estacionados", enquanto isso carros de uma colégio particular estacionam tranquilamente em fila dupla na rua principal. E não adianta reclamar nadica de nada.

Beijinhos

João disse...

Cara Ana,

De apanhar com uma "Granada" precisava o exemplar da fotografia para ver se o país, finalmente, conseguia ter esperança em sair da crise!
Ou então, parafraseando uma outra de Suza (talvez mais Linda que a da fotografia), é oferecer-lhe "deux valises en carton" e mandá-lo para França...
Preocupante o que já sabem de nós e da nossa vida, não acha?
Qualquer dia até a Igreja Católica muda o nome a um dos seus mais conhecidos santos, que passará a ser o padroeiro dos espiões portugueses. Refiro-me, obviamente, a São Francisco do SIS!
Piscadela de olho marota e beijinhos...

Ana disse...

Maria
A verdade é que cada vez há menos vontade de ironizar.
Não há dia que não nos traga uma surpresa desagradável.

Beijinho

Ana disse...

Salvo
O CD vem com um mini-gps que identifica os locais em que será tocado: casas, carros ou outros (caso seja usado um leitor walkman).
Está tudo pensado.

Sim, acredito que irá haver bicha à porta da FNAC (sem ofensa para as ditas).

Beijinho

Ana disse...

Cris
Isso é igualzinho, igualzinho ao que se passa em muitas ruas de cidades portuguesas.
Às vezes nem dá para acreditar!
Tudo o que sirva para chupar dinheiro com pouco esforço, é posto em prática.
O Zé pagante cá está para abrir os cordões à bolsa.

Beijinho

Ana disse...

João
Eis um comentário bem ao jeito dum Carteiro que costumava bater aqui à porta...
Bem dizia eu que vocês eram almas gémeas.
O S. Francisco do SIS é um verdadeiro achado!

Quanto às duas "valises", deduzo que lhe decepariam a cabeça para que não voltasse a ter maus pensamentos.
E seria uma do tipo "necessaire" (não sei se existe o modelo em "carton") para a cabeça e outra para o ginasticado corpo...
A menos que seja uma "valise" para cada uma das "amigas" que aparecem na fotografia...

Beijinho

Duarte disse...

Ana, isto é ao que se deve chamar estar no fio da noticia... gosto de boleros... dos de sempre!

Beijinhos

Ana disse...

Duarte
Também gosto muito de boleros.
Deste,em particular, muito pouco...

Beijinho