quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

NATAL



CHOVE. É DIA DE NATAL



Chove. É dia de Natal.

Lá para o Norte é melhor:

Há a neve que faz mal,

E o frio que ainda é pior.

E toda a gente é contente

Porque é dia de o ficar.

Chove no Natal presente.

Antes isso que nevar.

Pois apesar de ser esse

O Natal da convenção,

Quando o corpo me arrefece

Tenho frio e Natal não.

Deixo sentir a quem quadra

E o Natal a quem o fez,

Pois se escrevo ainda outra quadra

Fico gelado dos pés.



( Fernando Pessoa, Obra Poética )

********************************************

BOAS FESTAS!

********************************************

18 comentários:

Maria disse...

Não pudes deixar de sorrir, mesmo em dia de emoções...
Que estes dias sejam aconchegantes e quentinhos, Ana, para ti e para quem te rodeia.

Beijinho

Luis Eme disse...

Boas Festas, Ana.

tenho sentido falta do teu olhar irónico para todas estas cenas entre o cómico e o trágico da nossa sociedade.

beijinhos e o desejo de que regresses, plena em 2010.

Cris Caetano disse...

Um Natal maravilhoso pra ti e pros teus, cheio de paz.

Me aguarde! ;)

Beijinhos

salvoconduto disse...

Um Natal como as circuntâncias o permitirem, onde não falte o carinho dos familiares!

Ze_Cuscopos disse...

Ana,

Sou pessoa para lhe retribuir os votos de Santo Natal.

O que faço aqui e agora.

Beijinhos...

Pedro disse...

Ana

O tempo é o melhor remédio para deixarmos para trás anos com momentos menos bons. As boas memórias, pelo contrário, prevalecerão.

Muita saúde e paz para esta época festiva.

Beijinho
Pedro

Ana disse...

Maria,
Lá passou o Natal sem mais sobressaltos. Valeu, como sempre, pela presença de toda a família.

Beijinho

Ana disse...

Luis,

Grata pelos votos, só posso dizer que vou fazer o possível.
O meu sentido de humor já viu melhores dias.

Beijinho e um Bom Ano!

Ana disse...

Cris,

Passei à fase de aguardar.
Obrigada e... até breve.

Beijinho

Ana disse...

Salvo,

Dentro das circunstâncias, foi um Natal bom porque juntou (ainda) pais filhos e netos.

Obrigada e um beijinho

Ana disse...

Meu caro Zé,

Ultrapassados que estão os dias festivos, regressamos agora à normalidade, dentro do possível.
A vida manda-nos andar para a frente, mesmo quando a vontade é pouca.
Este ano que está a terminar foi demasiado complicado.

Bem haja!

Beijinho

Ana disse...

Pedro,

Sábias palavras as tuas.
É como dizes, há que deixar o tempo amaciar as dores.
Entretanto, há outras que permanecem deste lado e tornam o dia a dia bastante difícil.
E o Inverno não ajuda...

Beijinho

poetaeusou . . . disse...

*
se eu fosse o futuro
pincelava o 2010
de um modo desigual,
invertia os grandes mestres
estimulava os absurdos
convertendo o obscuro,
o branco seria carinho
a tolerância o preto
no rosado da saúde,
e o azul da amizade
feita ternura esmeraldina
na meiguice amarelada,
eu quero a Paz anilada
no lilás da paixão
em violeta de amor,
e de forma desejada
ofereço-vos como gratidão
o perfume de uma flor.
,
que venha o 2010 !!!
,
conchinhas
,
*

Ana disse...

Poeta,

Se a tolerância fosse preta, eu andaria muitas vezes envolta nessa qualidade (é uma "não-cor" que gosto muito de vestir), sendo que a tolerância nem sempre é o meu forte sobretudo no que diz respeito a certas personalidades da nossa praça.

Mas encaro bem essa tua revolução das cores.
Para ti, um excelente 2010, todo pintado de azul!

Beijinho

Marta disse...

querida Ana, muito querida Ana
espero que tenhas tido um Natal doce e que o novo ano te traga muitas realizações pessoais e profissionais.
beijinhos

Ze_Cuscopos disse...

Querida Ana,

E também sou pessoa para aqui expressar os votos de um FELIZ 2010!

Que o novo ano nos traga a todos mais saúde, paz e alegria.

Com o habitual beijinho.

Hic Hic Hurra

Ana disse...

Querida Marta,

Retribuo, a dobrar, os teus carinhosos votos.

Que 2010 seja o Ano que desejas.

Beijinho

Ana disse...

Caríssimo Zé,

Não me vou esquecer de si quando soarem as 12 badaladas!
Desejando, com força, que o novo Ano permita que os seus votos sejam realizáveis.
Para mim, para si, para todos os que amamos.

Beijinho e...

À SUA!